TESTES DE AVALIAÇÃO

DISC, MOTIVATOR, SALES IQ Plus e WORKPLACE STRENGTHS

A avaliação comportamental DISC, feita online, é um recurso para todas as pessoas e organizações, públicas ou privadas, grandes empresas ou PMEs. O DISC ensina aos utilizadores competências muito importantes de profiling que permitem aumentar a performance e produtividade numa variedade de cenários e ambientes profissionais. Aprenda a persuadir outras pessoas de uma forma positiva e a aumentar vendas, construir equipas, melhorar processos de recrutamento e muito mais.

A ferramenta DISC é uma avaliação de perfil comportamental que identifica as diversas formas previsíveis da comunicação e ensina os seus utilizadores a beneficiar deste conhecimento. Baseado na pesquisa do Dr. William Moulton Martson, o DISC é sem dúvida a ferramenta de perfil comportamental mais usada em todo o mundo e é suportada por décadas de pesquisa e validação.

Esta avaliação está disponível em Português e em Inglês. 

Faça aqui o download de um exemplo de um Relatório:

Carregue no botão abaixo para poder efetuar a avaliação DISC

DISC

Para quê usar o DISC?

Benchmarking e Comparação – Dar ferramentas aos empresários, gestores e profissionais de RH que permitam, num processo de recrutamento, comparar novos candidatos com perfis desejáveis para esse tipo de trabalho.

Gestão da Mudança – Aprender a adaptar a sua comunicação e comportamento para transformar a resistência em recetividade.

Coaching – Descobrir como ajudar os outros, de forma consistente, a atingirem o seu potencial.

Resolução de conflitos – Trazer clareza e compreensão para estilos comportamentais que “chocam” entre si e sempre que existem dificuldades na comunicação entre pessoas.

Serviço ao cliente – Ensinar funcionários a exceder as expectativas dos clientes adaptando-se ao perfil comportamental da pessoa com quem estão a lidar em cada momento.

Programas de Liderança – Empoder os gestores de empresas a obterem o máximo rendimento das suas equipas.

Formação de vendas – Aumentar as vendas dando aos profissionais desta área ferramentas para identificar os comportamentos dos diversos tipos de cliente e escolher a melhor forma de abordagem.

Teambuilding – Saber antecipadamente as compatibilidades de comunicação no interior de cada equipa.

Reuniões produtivas – Planear reuniões adaptadas aos diferentes perfis comportamentais para obter os melhores resultados.

 

A avaliação Motivadores combina a pesquisa do Dr. Eduard Spranger e Gordon Allport num diagnóstico único e profundo, revelando as motivações inerentes a cada utilizador. Todos temos alguma consciência das nossas motivações, mas a pesquisa mostra que pessoas bem-sucedidas compartilham todas um traço comum: têm uma autoconsciência excepcional. Isto significa que estes indivíduos reconhecem facilmente as oportunidades que estão de acordo com as suas motivações inerentes, aumentando assim a sua probabilidade de sucesso.

Com a avaliação Motivadores, os líderes empresariais estarão capacitados para tomar melhores decisões na contratação de pessoal, compreendendo as motivações de cada novo candidato e também de cada funcionário da sua equipa.

Esta avaliação está disponível em Português e em Inglês. 

Faça aqui o download de um exemplo de um Relatório:

Carregue no botão abaixo para poder efetuar a avaliação MOTIVADORES

MOTIVADORES

A avaliação Motivadores identifica sete potenciais “motivadores” que existem em todos os seres humanos. A avaliação Motivadores oferece várias soluções de aplicação prática que maximizam o desempenho e os resultados de qualquer projeto.

A Avaliação Motivadores mede as variações de cada uma das sete dimensões-chave da motivação pessoal e a sua relação entre elas:

Motivação Estética – um impulso para o equilíbrio, harmonia e forma.
Motivação Económica – um impulso para retornos económicos ou práticos e o grau de competitividade.
Motivação Individualista – um impulso para se destacar como independente e único.
Motivação Política – um impulso para estar no controle ou ter influência.
Motivação Altruísta – um impulso para os esforços humanitários e ajudar os outros de forma desinteressada.
Motivação Regulamentar – um impulso para estabelecer ordem, rotina e estrutura.
Motivação Teórica – um impulso para o conhecimento, aprendizagem e compreensão.

A avaliação Vendedor Plus oferece uma análise objetiva das competências essenciais na área das vendas e responde à pergunta: “O que impede este funcionário de vender mais?”

Para saber como melhorar o desempenho dos seus vendedores, é necessário que analize periodicamente vários aspetos.

A avaliação Vendedor Plus vai ajudar os departamentos de vendas a medir o nível de competência atual dos seus profissionais. Da mesma forma vai ajudar os profissionais na área das vendas a fazer um auto-diagnóstico, identificar os pontos fortes, as áreas a melhorar e receber soluções práticas

 A avaliação Vendedor Plus foi premiada pela sua qualidade. Foi desenvolvido em conjunto por 3 autores reconhecidos na área das vendas: Jeffrey Gitomer (The Sales Bible), Jim Cathcart (Relationship Selling) e o Dr. Tony Alessandra (The Platinum Rule for DISC Sales Mastery). A avaliação Vendedor Plus usa os conhecimentos destas 3 autoridades na área das vendas e mede o conhecimento do profissional de vendas nas estratégias necessárias para vender de forma bem sucedida em qualquer ambiente.

Este teste de avaliação demora aproximadamente 30 minutos a completar e consiste em 48 questões que guiam o utilizador na avaliação de 8 competências principais de vendas. As 8 competências combinam-se num todo e permitem dar uma ideia abrangente da capacidade de vender da pessoa avaliada.

Esta avaliação só está disponível em Inglês.

 

Faça aqui o download de um exemplo de um Relatório:

Carregue no botão abaixo para poder efetuar a avaliação VENDEDOR PLUS

Vendedor Plus

8 competências analizadas:

Preparação – implica preparar-se para a venda e a si mesmo. Pode estar bem preparado, munido de informações e ferramentas de venda, mas se não possuir o estado de espírito adequado ou se não se apresentar de forma profissional ao comprador, poderá não ser capaz de concretizar a venda.

Targeting – refere-se a explorar os mercados ou grupos que poderão ser os seus alvos para a venda. Depois focamos os indivíduos com os quais contactará. Isto inclui as estratégias e táticas de venda que seleciona para cada alvo. Um direcionamento mal executado, mesmo se aliado a uma ótima venda, produz sucesso limitado porque estará a vender ao público-alvo errado.

Ligação – é o passo inicial de contacto na venda, durante o qual deverá atrair intelectualmente o público-alvo, de modo a que o vejam como um recurso credível, e deverá atrair emocionalmente, de modo a que confiem em si como pessoa. Sem ambos, não será capaz de aprender o suficiente sobre o público-alvo e estará limitado na capacidade de lhe resolver os problemas e concretizar a venda.

Avaliação – a avaliação das necessidades e desejos permite descobrir o que vender e como fazê-lo, principalmente através de sondagem e auscultação. Como se costuma dizer, “nas vendas, tal como na medicina, passar a receita antes do diagnóstico é negligência”.

Resolver problemas – resolver o problema do comprador ou ir ao encontro das suas necessidades é onde se concentra o maior esforço da venda. Esta é a fase em que deve propor as suas soluções, contar as suas histórias, mostrar o seu produto ou descrever os resultados que advirão da sua aquisição. No mínimo, é um discurso (pitch) de vendas. Numa perspetiva mais abrangente, é um diálogo entre si e o comprador, onde prova que há uma enorme vantagem em comprar-lhe a si.

Fecho de venda – Uma vez demonstrada a sua capacidade de resolução do problema do potencial comprador, é a altura de obter o seu compromisso relativamente à compra. Esta é a fase da confirmação. A sua meta é confirmar o compromisso com a compra. Se no passado isto tem sido conhecido como “fechar a venda”, na verdade não é o fim, mas o início da sua relação com o cliente, o início de servi-lo tal como ele inicia o pagamento pelo bem que recebe.

Garantia/consolidação – Uma venda confirmada necessita de garantir que o valor prometido será recebido. É aqui que as relações se constroem e que a lealdade do cliente é para ser recompensada acima do esperado.

Gestão – Gerir é a fase final do ciclo de venda, onde faz a gestão das vendas, das contas e a sua própria autogestão. Em última análise, todos somos os nossos próprios “gestores de vendas”. Esta é a fase do processo de venda em que deverá fazer o que é necessário, mesmo que não lhe apeteça.

Ao avaliar a eficácia das vendas nas 8 áreas, vai ter uma visão geral que lhe permite gerir-se a si e aos outros e ser muito mais eficaz como profissional nesta área.

Nota: Cada situação foi desenvolvida e validada por profissionais de vendas para refletir estratégias reais de vendas usados pelas forças de vendas nos dias de hoje.

A avaliação Capacidade de trabalho é uma ferramenta essencial em qualquer processo de recrutamento e seleção.

O preenchimento apresenta as questões em Português mas o relatório final é apresentado em Inglês.

Faça aqui o download de um exemplo de um Relatório:

Carregue no botão abaixo para poder efetuar a

avaliação FORÇA DE TRABALHO

Capacidade de trabalho

O relatório Capacidade de Trabalho é uma avaliação direta e de baixo custo projetada para uso no início de qualquer processo de contratação e seleção. Esta ferramenta baseada nas avaliações DISC e Hartman aplica uma classificação “satisfatória” ou “preventiva” a quatro questões universalmente importantes no local de trabalho:

  • Como pode esta pessoa trabalhar com outras pessoas?
  • Como se comportará esta pessoa quando estiver sob stresse e como poderá isso afetar a sua capacidade de trabalhar e ser eficaz?
  • Esta pessoa será capaz de priorizar as suas atividades?
  • Esta pessoa aceitará a responsabilidade das suas próprias ações?

 

Através das pontuações e detalhes do relatório, a avaliação Capacidade de Trabalho oferece sugestões para contratação e seleção de pessoal. Vai descobrir pontos fortes do candidato e riscos potenciais que podem afetar a adequação à posição e o seu desempenho na equipe ou na organização.

 Devido à sua ampla aplicabilidade, o teste Capacidade de Trabalho é ideal para ser uma avaliação de primeira linha, útil na avaliação de contratações em potencial. Uma vez que a formação e a experiência de um candidato tenham sido verificadas, a avaliação Capacidade de Trabalho permite que os decisores avaliem rapidamente o conjunto de candidatos, fazendo perguntas consistentes e relevantes para determinar quais os candidatos que devem seguir adiante no processo de seleção.

O objetivo é fazer os empresários alcançarem maior rentabilidade nos negócios e melhor qualidade para as suas vidas.

WORKSHOPS E WEBINARS

Calendário dos workshops

CONTACTOS

Tel.: (+351) 910 334 848
Email: luishenriques@prismabiz.com

Escritório:
HUB ATIVO – Rua Joaquim Agostinho Fernandes, 1 – Cave 2
8500-406 Portimão